Panorama atual das Metrópoles Brasileiras: desafios e oportunidades

O livro Regiões Metropolitanas no Brasil – um paradoxo de desafios e oportunidades, que conta com artigo dos pesquisadores do Observatório Luiz Cesar Ribeiro, Sol Garson e Marcelo Ribeiro, trata do paradoxo que representa importância das regiões metropolitanas para o desenvolvimento brasileiro x a fragilidade de seus mecanismos de governabilidade e de financiamento.

Publicação desenvolvida conjuntamente por membros do governo brasileiro, a academia e o Banco Interamericano de Desenvolvimento, enfoca as questões de governança e financiamento metropolitano, que vêm gradualmente retomando importância na agenda nacional e procura contribuir para o desenho de políticas públicas que possam melhorar a qualidade de vida nas cidades.

O artigo Panorama Atual das Metrópoles Brasileiras, escrito por Sol Garson, Luiz Cesar Ribeiro e Marcelo G. Ribeiro delineia um perfil socioeconômico dos grandes aglomerados urbanos metropolitanos distribuídos sobre o território brasileiro e apresenta breve análise da estrutura fiscal de seus municípios, destacando sua estrutura de receitas e de despesas e evidenciando a composição dos recursos utilizados para financiar os investimentos. A análise das condições socioeconômicas e fiscais das metrópoles brasileiras ganha importância adicional se consideramos que, no Brasil, a problemática social concentra-se fortemente no meio urbano.

O trabalho está dividido em cinco seções; a primeira, introdutória, apresenta a questão geral debatida. A segunda seção sumariza estudo desenvolvido pela Rede Observatório das Metrópoles, que demarcou e classificou os espaços da rede urbana brasileira, delimitando os espaços metropolitanos, objeto das seções seguintes. A terceira seção traça um perfil socioeconômico dos principais aglomerados urbanos metropolitanos sob os aspectos populacionais, de atividade econômica, do mercado de trabalho, apresentando ainda indicadores de educação e de carência de serviços urbanos. Esse perfil contribui para dimensionar a magnitude da demanda de serviços públicos. A capacidade de atendimento a esta demanda está, em parte, condicionada à estrutura fiscal dos municípios metropolitanos, abordada na quarta seção. A quinta seção apresenta as considerações finais.

Clique aqui e acesse o livro Regiões Metropolitanas no Brasil – um paradoxo de desafios e oportunidades.

 

 

Tags: , , , , ,