Belo Horizonte

A equipe de Belo Horizonte integra o Observatório das Metrópoles desde seu início em 1998, juntamente com as equipes do Rio de Janeiro e de São Paulo. Essa integração ocorreu a partir da pesquisa “Metrópole, Desigualdades Socioespaciais e Governança Urbana: Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte”, iniciada na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Entre 1999 e 2015, a coordenação da pesquisa esteve na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). Hoje, a UFMG e a PUC Minas compartilham a coordenação.

O caráter multidisciplinar do Núcleo Belo Horizonte da rede Observatórios das Metrópoles está expresso no perfil da equipe que agrega profissionais oriundos das áreas de Arquitetura e Urbanismo, Ciências Sociais, Comunicação, Demografia, Direito, Economia, Engenharia e Geografia. Agrega também pesquisadores em diferentes níveis de formação, de doutores a alunos de pós-graduação (mestrandos e doutorandos) e de graduação com bolsas de iniciação científica.

Quanto ao financiamento de suas pesquisas, atividades de extensão e de formação de recursos humanos, além dos recursos do INCT/CNPq, a equipe conta como recursos de órgãos locais como FAPEMIG e Fundo de Incentivo à Pesquisa da PUC Minas.  Conta ainda com bolsas de mestrado e doutorado da CAPES, CNPq e FAPEMIG.

Além de diversos artigos publicados em periódicos e livros, a equipe do Núcleo Belo Horizonte já publicou as seguintes coletâneas, com os resultados de suas pesquisas:

MENDONÇA, Jupira Gomes de; GODINHO, Maria Helena (Org.) População, espaço e gestão na metrópole: novas configurações, velhas desigualdades. Belo Horizonte: Editora PUC Minas; PRONEX CNPq, 2003.

ANDRADE, Luciana Teixeira de; MENDONÇA, Jupira Gomes de; FARIA, Carlos Aurélio Pimenta de (Org.). Metrópole: território, sociedade e política: o caso da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Belo Horizonte: Editora PUC/Minas/Observatório das Metrópoles, 2008.

ANDRADE, Luciana Teixeira de; MENDONÇA, Jupira Gomes de; DINIZ, Alexandre Magno Alves (Ed.). Belo Horizonte: transformações na ordem urbana. Rio de Janeiro; Belo Horizonte: INCT/CNPq/Observatório das Metrópoles; Editora Letra Capital; Editora PUC Minas.

Na sua relação com a sociedade e órgãos governamentais, o Núcleo Belo horizonte do Observatório das Metrópoles atua em parceria com organizações dos movimentos populares e acompanha o trabalho de instituições governamentais. No Plano Metropolitano, tem acompanhando os trabalhos da Agência de Desenvolvimento da RMBH.

INSTITUIÇÕES INTEGRANTES

  • Universidade Federal de Minas Gerais
  • Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
  • Universidade Federal de Ouro Preto
  • Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais
  • Fundação João Pinheiro

 

COORDENAÇÃO REGIONAL

Dra. Jupira Gomes de Mendonça (UFMG)
CNPQ
Dra. Luciana Teixeira de Andrade (PUCMINAS)
CNPQ


PESQUISADORES PRINCIPAIS

 

PESQUISADORES ASSOCIADOS