Parceria internacional vai analisar ilhas de calor em Fortaleza

Maria Elisa Zanella, coordenadora do Laboratório de Climatologia e Recursos Hídricos e pesquisadora do Observatório das Metrópoles Núcleo Fortaleza, representa o Departamento de Geografia da Universidade Federal do Ceará (UFC) na parceria com o Instituto Meteorológico e Hidrológico da Suíça (SMHI) que visa analisar ilhas de calor em Fortaleza.

O objetivo do estudo é a redução do estresse térmico e a adaptação às alterações climáticas. O tema foi discutido no Seminário Smart City – Inovações para uma Cidade Resiliente, parte da programação do Ceará Organic Food Festival. Segundo especialistas que participaram do painel, é essencial um planejamento urbano que contemple infraestrutura verde para a melhoria do bem-estar térmico nos centros urbanos.

Os sensores, que devem medir temperatura e umidade durante o mês de outubro, estão sendo espalhados em 17 bairros. A escolha dos bairros foi feita para representar diferentes “microambientes” da Cidade, considerando fatores como vegetação, adensamento e aspectos socioeconômicos. O estudo deve se utilizar ainda de outros parâmetros climáticos como ventos e turbulência da atmosfera, a partir de informações meteorológicas.

A notícia completa foi divulgada pelo jornal O Povo (clique aqui).

 

Tags: , , , ,